O salvamento em ambientes naturais é caro e complexo, podendo levar dias e causar grandes danos ao ambiente. Portanto, em primeiro lugar, não se arrisque sem necessidade. 

O resgate em áreas naturais tem enormes implicações negativas para o bem-estar da vítima, da equipe de resgate e do ambiente, envolvendo uma complicada organização de equipamentos, equipes especializadas, veículos e comunicação. Como a segurança do visitante é a prioridade nesses casos, o impacto na natureza é significativo.

É sempre bom lembrar que no Brasil existem poucos locais com equipes de resgate organizadas, bem treinadas e bem equipadas, dificultando ainda mais e aumentando o risco do resgate de visitantes perdidos ou acidentados.